Pesquisar neste blog

domingo, 29 de agosto de 2010

Pró-estréia da Cia. Anti-Horário de Pindamonhangaba



Neste domingo foi realizada o Ensaio Aberto da Cia. Anti-Horário, e como o orientador Ricardo Gali disse, foi a "Pró-Estréia", algo a favor para que a Pré-Estréia aconteça. Palavras do grupo sobre o ensaio aberto e a imersão do grupo na peça:" Não temos palavras pra descrever o quanto esses dois dias foram importantes para todos do grupo! Tivemos experiências inesquecíveis, momentos jamais vividos.
Queríamos agradecer ao nosso orientador Ricardo Gali que nos proporcionou esses momentos tão especiais".


"Os mamatchas", de Presidente Prudente



Em Presidente Prudente fizemos algumas experiências de escuta e apropriação de espaços, além da apreciação de espetáculos teatrais que se apresentavam pelo FENTEPP.
Tivemos a honra de conversar com Sílvia Leblon, a "Spirulina", que dividiu com o grupo suas experiências, conselhos e muitas histórias!
O compartilhamento com o público também foi muito bacana!

--
Paula Carrara
http://trovi.blogspot.com/
http://corpoemcena.blogspot.com/
http://ausenciaemcena.blogspot.com/



terça-feira, 24 de agosto de 2010

Uma CELEBRAÇÃO em OURINHOS





 

Difícil resumir o que foi este final de semana, e nem vou tentar, ficam aqui alguns fragmentos dessa delícia:

 

DSC01716.jpg

DSC01718.jpg

 

Conhecendo e experimentando nossa coluna, saindo e voltando ao eixo, iluminando nossas vértebras

 

 

DSC01727.jpg

 

Procurando o texto, para largá-lo. E de fundo o garoto do picolé,  nosso visitante constante, curioso de teatro.

 

DSC01738.jpg

 

A surpresa da nova mesa. Ela revelando suas estruturas e nos convidando a revelar as nossas

 

DSC01798.jpg

 

Já com o público, só o essencial. Mesa, adereços e o biscoito/bacalhau

 

DSC01802.jpg

 

E por fim, um sobrevôo sobre o encontro.

 

Esta foi nossa celebração.

 

Aos companheiros do SoArte um agradecimento enorme pela generosidade e entrega deste dias.

 

Iarlei Rangel,

um dos convidados para o Casamento...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Primeiro Passo


Quero publicamente parabenizar o Grupo Anarquia Teatral pela incrível mobilização que resultou numa noite de luz cheia linda: cheia de gente, autoridades, grupos artísticos e uma linda apresentação de cenas do processo que envolveu a platéia durante a apresentação e depois durante o debate. 
A noite acabou com uma apresentação musical do grupo Paraminésia. 
Em breve o grupo postará algumas fotos.
Este foi o primeiro passo dado rumo a construção de um novo espaço cultural da cidade de Vinhedo, do estado de São Paulo, do Brasil!!!!!!!!!!!

Fábio Resende - feliz por mais um dia de teatro realizado!!!!!!!!UFA!!!!!!!!


Domingo: Um momento Especial


No domingo foi um momento muito emocionante.
 
O grupo todo estava ansioso para fazer a apresentação da nova proposta do espetáculo.
 
Como o Natan disse: "Era broxante abraçar uma cadeira vazia, fingindo que tinha alguém ali". Foi o momento de testarmos e percebemos que acertamos.
 
Como sempre foi especial...

Marissol da Freiria
Grupo Ágape de Teatro de Tupã


domingo, 22 de agosto de 2010

Enquanto isso no calor/frio de Ribeirão Preto...

Dia encalorado, noite gelada...
Passamos uma tarde e começo de noite nas mãos do Paulo e vivenciando fortes momentos de criação.
Foi intensivo, foi prazeroso, foi divertido e até, saboroso.
Estávamos tão de cabeça, todos, que ninguem bateu uma foto e ficamos só nas palavras.
E vamos para o domingo, abrindo nossas portas para o público.
 
Bjos e Abs a todos
 
Cia. "Ainda sem Nome"

sábado do Urucum 2



Habitando o hospital abandonado. 
Merda pra todos! Vejo vocês às 18h.

alice 



sábado do Urucum 1



Habitando o hospital abandonado. 
Merda pra todos! Vejo vocês às 18h.

alice 



É hoje às 18h

-
Cena do processo Pequenas Distrações 
Apresentação de cenas, debates e muita música na estação
Confira a programação no blog do anarquia: www.anarquiateatral.blogspot.com 

--
Fábio Resende


Anarquia Teatral - primeiro dia



Primeiro dia: 
muita diversão, jogos e muito teatro na estação
--
Fábio Resende






INSPIRAÇÃO E TRANSPIRAÇÃO




Um dos cantinhos do espaço da Cia. de Teatro Parafernália de Mogi Guaçu.
O pequeno mezzanino foi construído com o bagageiro do DKV que serve de cenário para uma das peças da cia.
Aqui tudo é feito e transformado pelas integrantes: Andréia, Silvana e Viviane.
Beijo, Cris Rocha 

Em Tupã Muito Trabalho e Alegria



Bom dia Pessoal!!!

Ontem foi um dia muito produtivo para o pessoal do Grupo Ágape de Teatro de Tupã e a nossa orientadora Lina Agifu.

Pudemos conhecer mais da experiência da Lina e no fim da noite ainda tivemos a oportunidade de prestigiar o espetáculo Basílio, o Destemido da Cia. do Dramaturgos, companhia que a Lina fez parte.

Foi um dia especial... E estamos esquentando os tamborins para hoje logo mais... A nova proposta do Leon vai encontrar a plateia pela primeira vez!!!

Merda para todos nós!!!

Marissol da Freiria
Grupo Ágape de Teatro - Tupã

sábado, 21 de agosto de 2010

ESQUENTANDO OS TAMBORINS


Apesar do inverno o sol apareceu para esquentar o couro dos tamborins aqui em Ourinhos!!!
Últimos preparos para o primeiro dia de atividades.
MERDA PRA NÓS
abçs
Iarlei Rangel


quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Compartilhamento 2010

OIá pessoal...

Vamos para nosso encontro simultâneo em todo o estado.

Como já foi dito nos emails da produção do projeto, o Blog Ademar Guerra (http://www.blogademarguerra.blogspot.com/) andou meio paradinho mas estará à disposição para compartilhar os acontecimentos nos encontros dos grupos neste fim-de-semana.

Como eu também estarei em atividade e sou eu que posto as informações que chegam, vou configurar esta conta para que, tudo o que chegar no email, seja automaticamente postado no blog. E aí a noite eu só dou uma geral e conserto alguma coisa que tenha dado errado.

Portanto, mandem para este email (blogademarguerra@gmail.com) tudo o que quiserem que sai no blog e para evitar postagens automaticas com erros, vou pedir dois favores:

- Enviem no corpo do email apenas o texto que querem que seja postado, porque será automático.
- As imagens, coloquem em tamanho menor para não ficar arquivo pesado e enviadas EM ANEXO no email.
- Coloquem no assunto do email, o título que querem que apareça no post.

Qualquer dúvida, estou à disposição.

Abraços,

Flávio Racy
Cia. "Ainda sem Nome"
Ribeirão Preto

sexta-feira, 2 de abril de 2010

Fórum Teatro de Rua

Foi criado o fórum de teatro de rua:

http://teatroderua.forumbrasil.net/

Estão todos convidados a compartilhar suas idéias, experiências, inquietações,..., e a ajudar a divulgar este espaço!
Abraço grande,
Lucas Lima e Flávia D'ávila. - Grupo Teatro do Imprevisto

Relato 2010: Corpo como dramaturgia de cena

RELATO

TEMA: O CORPO COMO DRAMATURGIA DE CENA

(TEATRO FÍSICO)

PROPONENTE: ÉRICA

ESCRITA: SOLANGE DIAS

Érica abre a discussão dizendo que a proposta deste tema vem de uma ansiedade de não se trabalhar o corpo pelo corpo simplesmente e pediu para que os participantes deste grupo relatassem seus processos sobre Teatro Físico.

Um integrante do grupo de Jaguariúna relatou que eles experimentam a Exaustão para buscarem novos estímulos de criação e que estudam o trabalho de Eugênio Barba e o Teatro Antropológico, além de utilizarem imagens diversas para refleti-las nos corpos dos atores.

Os integrantes do grupo Ágape de Tupã trabalham com depoimentos pessoais para construção de cenas e sentem a necessidade de um preparo físico maior para poderem realizar o que querem. Mas, que devido as poucas horas de ensaios semanais, isto fica inviável. Por isto, a conduta do grupo é fazer esta preparação fora do horário dos ensaios.

Foi levantado então se o ator precisa de um preparo físico como de um ginasta para realizar este trabalho.

Paula Carrara comenta que é fácil imaginar que o Teatro Físico passa por uma construção de um corpo atlético, mas, que mais do que isto, o corpo precisa de provocações poéticas que podem partir de como está seu corpo e que a Exaustão pode ser interessante até certo ponto.

Solange comentou que mais do que um corpo atlético é preciso que este corpo seja expressivo, que saiba expressar o que se quer dizer. Se não fosse assim, qualquer ginasta poderia ser ator.

Mais a frente o orientador André lembrou que também é importante que o ator aprofunde seu repertório corporal para não ficar limitado na hora de realizar movimentos que necessitem de maior amplitude e expressividade.

A Érica comenta sobre Pina Bauch e um integrante comenta de que muitos grupos trabalham treinamentos corporais como uma moda, como uma receita.

O Orientador Ricardo comenta que desde Stanislavsky e muitos encenadores depois dele, pensaram as ações físicas, ou seja, que o treinamento físico não é uma grande novidade e que a pergunta é que tipo de teatro quero fazer e escolher o treinamento para aquilo que se quer dizer e que a tendência é copiar fórmulas de outros grupos.

O orientador André diz que físico não é só corpo, músculo, mas é emoção, e que há uma diferença entre Dramaturgia do Corpo, que é mais ampla e se refere ao corpo juntamente com outros elementos da cena, e que o Teatro Físico está focado no ator, na expressividade do ator.

Diz que para este tipo de trabalho é importante buscar novos espaços no corpo para expressar leveza, força e que isto é uma pesquisa ampla e que não tem como separar técnica de emoção, já que a natureza é técnica.

Diz que o Teatro Físico investiga a técnica do homem e que não é uma forma fechada.

Diz que há muitas formas de Teatro Físico comentando então sobre Laban quando divide a relação do corpo com o movimento em:

. Íntimo - movimentos internos,

. Pessoal - expandir os movimentos no espaço,

. Coletivo - movimentos em relação ao outro,

criando conexão entre íntimo e movimento.

Diz também que a técnica existe mesmo quando não parece que se tem técnica: a trilha, a iluminação são física e reverberam no corpo, tudo isto ocasiona uma dramaturgia do corpo, e que a fisicalidade existe desde os rituais antigos com suas fogueiras que também são desenhos físicos.

Diz que há treinamentos específicos para aquilo que se quer dizer e que o teatro chinês e o Nô Japonês servem como referência para a busca de novos caminhos.

Comentou-se no grupo também sobre a questão da técnica X intuição: até que ponto elas interagem, até que ponto não é necessário partir da intuição mas buscando um aprofundamento técnico daquilo que se quer fazer para a ampliação do conhecimento.

NOVA EDIÇÃO

============================================
Este post marca uma mudança de edição do Projeto Ademar Guerra.
Os mais novos são da edição de 2010 e os mais antigos, referentes à edição de 2009.
============================================

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Videos do SALA 18

Saudações meu caros,
 
espero que tenham tido a mesma experiência maravilhosa que tivemos durante o intensivo...
Estou muito feliz e satisfeito com tudo o que tem acontecido, esse projeto está sendo maravilhoso.
É com grande alegria que mando esses links para vocês sobre nosso processo, espero que gostem!
 
Video com depoimentos dos atores falando sobre o processo:
 
Videos com depoimentos sobre o projeto Ademar Guerra e nosso orientador:
 
Videos sobre os ensaios:
 
Video do intensivo Ademar Guerra (Preparação):
 
Video do Intensivo do Ademar Guerra (Imersão):
 
Video exibido sobre nosso espetáculo na SECOM (Semana de Comunicação do IMES Catanduva) onde competimos no Festival de Filmes merchandising, ganhando 3 prêmios: Melhor Filme, Melhor Figurino e Gran Prix
 
Eu sei que é muito video, hehehehe, mas o que der para colocar no blog eu agradeço...
Acho que é bacana compartilhar essas experiências!
 
Vida longa aos grupos participantes! Prestigiem Cultura!
 
Abraços,
 
Rafael Back

sexta-feira, 6 de novembro de 2009